top of page

Conferência na Academia Sergipana de Letras destaca Vínculos entre Pará e Sergipe na Medicina



No dia 13 de novembro de 2023, a cidade de Aracaju, em Sergipe, foi palco de uma significativa Sessão Solene conjunta, unindo a Academia Sergipana de Letras (ASL), a Academia Sergipana de Medicina (ASM), a Academia Sergipana de Educação e a Sobrames-SE, presidida por Lúcio Antônio Prado Dias. O evento contou com a ilustre presença do Dr. Alberto Gomes Ferreira Júnior, presidente da Academia de Medicina do Pará (AMP), que proferiu uma conferência enriquecedora sobre as vidas e contribuições notáveis de sergipanos que, ao longo da história, tornaram-se membros destacados da AMP.


Ao lado do Dr. Alberto Gomes Ferreira Júnior, Jorge Carvalho do Nascimento, presidente da Academia Sergipana de Educação, enriqueceu o evento com sua presença, fortalecendo ainda mais os laços entre as academias e ressaltando a importância da colaboração interdisciplinar.


Durante a Sessão Solene, a Dra. Zulmira Freire Rezende, reconhecida por suas contribuições à Medicina, teve a honra de entregar pessoalmente ao presidente da AMP o certificado de conferencista, simbolizando o reconhecimento e a gratidão pela relevante participação na noite especial.


O Dr. Alberto Gomes Ferreira Júnior conduziu a plateia por uma viagem fascinante, narrando histórias ricas em detalhes sobre personalidades sergipanas, cujas trajetórias se entrelaçaram de maneira impactante com o cenário médico paraense. A conferência destacou a importância desses ilustres profissionais na construção e desenvolvimento da Medicina no Pará, ressaltando não apenas suas realizações acadêmicas, mas também as contribuições significativas para a sociedade paraense.


A conexão histórica e cultural entre os estados do Pará e Sergipe foi habilmente explorada, revelando como a Medicina serviu como um poderoso elo unificador. O Dr. Alberto Gomes Ferreira Júnior destacou a relevância de reconhecer e celebrar essas conexões, enriquecendo a herança cultural e científica compartilhada entre os dois estados.



Entre os sergipanos mencionados, agora integrantes da Academia de Medicina do Pará, destacam-se os patronos Dr Olympio Cardoso de Oliveira da Cadeira nº 1 e o Dr. Eleyson Cardoso, da cadeira de nº 18, (clique nos links para baixar as biografias), que deixaram um legado indelével. Suas histórias, marcadas por dedicação à medicina e à promoção da saúde, foram habilmente apresentadas, inspirando os presentes a refletirem sobre o impacto duradouro que esses profissionais tiveram na sociedade paraense.


A Sessão Solene conjunta entre as academias reflete o compromisso compartilhado de preservar e promover a cultura, a educação e a medicina. O evento foi uma oportunidade única para fortalecer os laços entre as instituições e enriquecer o diálogo intercultural, consolidando a importância da colaboração entre estados na promoção do conhecimento e no avanço das ciências médicas.


Ao encerrar a conferência, o Dr. Alberto Gomes Ferreira Júnior expressou sua gratidão pela calorosa recepção em Sergipe e enfatizou a importância contínua da colaboração e intercâmbio entre as academias. Essa conferência ficará marcada como um momento significativo na história das relações entre Pará e Sergipe, celebrando não apenas a Medicina, mas também a riqueza das histórias compartilhadas que moldam o cenário acadêmico e cultural desses estados.

155 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page